Fomentando o empreendedorismo social junto aos jovens

Select This

Select solutions you want to learn more about and connect to the appropriate solution provider.

Este projeto-piloto almeja promover um conceito inovador que possa incentivar a população santomense mais jovem a aderir ao empreendedorismo social. O projeto busca também ilustrar o poder transformador das empresas socialmente inovadoras.

No Poverty , Decent Work and Economic Growth , Industry, Innovation and Infrastructure , Sustainable Cities and Communities , Responsible Consumption and Production , Partnerships for the Goals

Devido a condições tais como insularidade, tamanho e renda, São Tomé e Príncipe enfrenta vários desafios de desenvolvimento. Apesar do crescimento anual médio do PIB exceder 4% desde 2012, a pobreza não diminuiu significativamente. As taxas de desemprego (19,7% para as mulheres e 9,3% para os homens em 2015) evidenciam um desequilíbrio em termos de género que precisa ser colmatado. Ao mesmo tempo, a taxa de desemprego entre os jovens com idade compreendida entre 15 e 24 anos (23% em 2015) é muito maior que a média nacional (13%). No entanto, o empreendedorismo entre os jovens é subdesenvolvido, por razões estruturais relacionadas com a falta de capacidades e de financiamento disponível, e o predomínio de uma cultura que promove a segurança das funções públicas frente a outras opções de meios de subsistência menos estáveis.

O projeto-piloto “Fomentando o empreendedorismo social junto aos jovens” visa promover ações que incentivem os santomenses mais jovens a se tornarem empreendedores sociais, com atenção particular para as atividades relacionadas com a economia verde. O projeto almeja ainda demonstrar o poder transformador das empresas socialmente inovadoras que buscam ao mesmo tempo lucro financeiro e benefícios sociais, através de uma estratégia de comunicação orientada particularmente para os decisores do governo, a comunidade empresarial e os profissionais do desenvolvimento.

Num primeiro momento, o projeto desenvolverá uma sensibilização e uma liderança nacionais para promover a abordagem de negócio orientado para o desenvolvimento social, através de um pacote completo de serviços (formação, financiamento, intercâmbio em pares, acesso aos mercados, laboratórios de negócios) voltados para o grupo-alvo (jovens interessados no empreendedorismo social). Essas atividades serão apoiadas pelo estabelecimento de parcerias estratégicas com entidades internacionais especializadas em apoiar o empreendedorismo social (tais como Ashoka e Impact Hub).

Num segundo momento, o projeto apoiará empreendedores sociais novos e existentes no tocante ao desenvolvimento de competências em redes, à mobilização de recursos, à maximização do uso das tecnologias de informação, bem como ao planeamento, arranque e gestão de negócios. Esta etapa incluirá ainda apoio financeiro para formação no local de emprego e o fornecimento de pequenos subsídios para os empresários potenciais das organizações comunitárias juvenis, baseado no desenvolvimento local orientado (enfocando áreas prioritárias tais como energias renováveis ou gestão de resíduos).

Para ampliar seu alcance e maximizar o engajamento do grupo-alvo, a iniciativa será principalmente canalizada através de caravanas itinerantes, estruturas móveis que visitarão centros de juventude rurais e urbanos. Prevê-se a realização de dois tipos de caravanas: a caravana azul, voltada para a promoção de atividades relacionadas com o ambiente, e a caravana verde, dedicada a serviços de apoio ao empreendedorismo social. O projeto-piloto abrangerá os dois distritos mais populosos do país (Água Grande e Mé-Zóchi), que concentram cerca de 60% da população santomense. Posteriormente, com base nas lições aprendidas, a iniciativa poderá ser estendida a outros distritos e replicada entre outros grupos-alvo (adultos desempregados ou grupos de mulheres).

A Cooperação Sul-Sul terá um papel fundamental no projeto, no tocante à capacitação e ao apoio na gestão de negócios sociais, seja através do acesso a serviços de instrução ou de tutoria, em grupo ou individual, seja através da partilha virtual de conhecimentos.

Sao Tome and Principe

PNUD Sao Tome and Principe

PNUD São Tomé e Príncipe , e Ministério da Juventude e dos Desportos de São Tomé e Príncipe

Our Partners